domingo, outubro 29, 2006

Acidentes reincidentes

Pior do que ter tido maus professores é saber que eles ainda dão aulas...



Coitado do meu neto...

11 comentários:

marta disse...

Tem toda a razão!

Andreia do Flautim disse...

Pois é...
Eu tive um professor que era muito mau, nunca gostei dele. Sei que às vezes é preciso, mas tudo o que é exagero...

cemremos disse...

Sim. Mas pior do que ter tido maus alunos é ter cada vez alunos piores!

João Mãos de Tesoura disse...

mfa: infelizmente! Esta não é uma crítica aos profesores em geral, mas é reconhecer o melindre e sensibilidade de que esta matéria se reveste. Falhar na educação é falhar no futuro.

andreia: um tipo desses devia estar a alisar Trás-os-Montes!

semremos: não concordo contigo. Essa é a visão de um professor. O aluno é matéria prima, e não venham dizer-me que os alunos estão piores só por causa da sociedade e das famílias. Têm computadores, play stations, têm acesso a muito mais informação do que nós tivemos. Se não são melhores muito deve-se ao sistema de ensino. Os alunos que tu apanhas, se são maus, podem indiciar que os professores que os prepararam são cada vez piores. Acredito mais nesta última opção, embora saiba que há excelentes professores. Mas, reconhecerás, esta não é a regra, antes a excepção!

Thiago Forrest Gump disse...

Na Universidade, havia um professor de cálculo avançado que batia com a régua na mesa dizendo: "olha olha, seu eu ensinar um macaco, ele aprende."

Acho que não precio dizer mais nada!

João Mãos de Tesoura disse...

thiago: era caso para responder... "devia estar ensinando macaco, né!" e depois vocês cotizavam-se e ofereciam-he bananas... :D
Abraço

Maris disse...

Felizmente ainda sou do tempo em que se ia para professor por vocação e não por falta de opções no mercado de trabalho, mas um mau professor não faz um aluno mau. Isso é fruto da sociedade e das famílias. Talvez por terem tudo que é material mas não lhes transmitirem outros valores. E isso não é da competência dos professores.

João Mãos de Tesoura disse...

maris: não posso discordar mais! Um professor mau nunca fará um aluno bom, só se o aluno for excepcional é que vencerá essa limitação! Vou fazer um post sobre este tema.

pandora disse...

Melhor que ter uma boa professora, é que ela agora seja professora da minha filha :))

APC disse...

Sem dúvida que a vida muda para melhor quando se nos depara um bom mestre, e para pior quando o inverso acontece, podendo ser bem gravoso se numa fase crítica (e cada um de nós tem a sua; não tem que ver apenas com o nível de desemvolvimento do indivíduo). Sim, porque com o tempo vamos criando alguma resiliência e tentamos defender-nos dos efeitos nefastos de um profissional vergonhoso; apenas perdemos é tempo, dinheiro, oportunidade para aprender e paciência, nada mais!
Tive a sorte de ter tido professores que foram verdadeiras inspirações para mim, e, ainda adolescente, uma docente que foi um verdadeiro modelo de valores que importa conservar pela vida fora, para além de me ter permitido aprender tudo o que eu queria, e de ter acreditado!
Agora imagine-se quando a família não protege, não educa e não ama... A sorte que pode ser apanhar um professor que apoie, que invista, que confie!...
Sem dúvida que a alguns deveria ser retirada a carteira; já todos os outros, há tempo demais que merecem ser tratados com dignidade. Um dia chegará em que seja claro que é por via da educação e do ensino que as coisas podem melhorar.
Um abraço.

APC disse...

Ressalva: desenvolvimento (a "tal" era de Português!;-)