quinta-feira, junho 30, 2005

Pensamento errático

A natureza é perfeita. Esta concedeu ao homem duas prerrogativas.
A primeira prende-se com a sobrevivência. De facto, o homem morre primeiro do que a mulher; perfeito, assim as chatices da terceira e da quarta geração já não o amofinam, ela que as aguente. Não é defeito, é genético!
A segunda prende-se com a qualidade de vida. Na verdade, a surdez do homem aumenta com a idade, mesmo que a mulher não dê por isso. Não é defeito, é genético!
A natureza é perfeita...


Como dizes?

Ah! Sim, tens toda a razão...

8 comentários:

Tão só, um pai disse...

Não há surdez que nos valha. Quem nos mandou inventar a escrita!

Cerejinha disse...

(In)Conveniências da natureza!
LOL
:-)

mfc disse...

Como dá jeito não ouvir...às vezes!

Raquel V. disse...

Meu amigo... um viúvo (idoso) é das situações mais tenebrosas de se observar... Anula-se.



Quanto à surdez... começa mesmo é logo à nascença... as mãmãs é que não notam ;)

Lua disse...

Quem sabe se as razões que subjazem a esse Darwinismo tendam a ser contrariadas.
Beijinhos

www.blogstars.com.br disse...

Informamos que este blog está entre os 3 primeiros lugares deste portal no concurso blogstars.com.br (Edição Junho de 2005), veja este blog na lista dos finalistas ( página principal do blogstars.com.br ) - Parabéns !!!

João Mãos de Tesoura disse...

Tão só, um pai: agora sabemos que foram elas que inventaram a escrita... :D

cerejinha: como disseste? :D

raquel V.: ser mulher de um viúvo é terrível... tecnicamente é a "defunta"! :)

lua: não me digas que vocês vão ensurdecer... :D

blogstars dêem os parabéns a quem aqui passa só pela paciência de me aturar...

nana disse...

A palavra pode sem mais sexy que o olhar...há momentos em que permite vislumbrar um intelecto funcional...em criação
aí é bom escutar, seguir o discurso, num tango de sentidos, outros, irrepetíveis.