quarta-feira, agosto 09, 2006

A barata sai cara

Uma barata falava com um dinossauro.
- Se me pisares eu morro...
- Sou demasiado grande para me preocupar contigo!
Nisto, o dinossauro reparou numa nuvem preta que se aproximava a uma velocidade estonteante e comentou:
- Sabes, eu consigo ver o horizonte...
A onda de calor varreu a planície. Dos dinossauros não resta maior memória do que os fósseis, das baratas...



Are you talking to me?

4 comentários:

Eva disse...

ah ah ah!!!!

João Mãos de Tesoura disse...

eva: aposto que és a barata! hahahaha!
Besitos

Cerejinha disse...

Uma praga à prova de tudo!
Yaaacccc!!!!!!

João Mãos de Tesoura disse...

cerejinha: podes crer! Até se costuma dizer... "a vida não está barata!" :D