segunda-feira, janeiro 30, 2006

A questão!

O que é o amor? Esta pergunta assalta-me quando olho em redor. Não, não falo do amor do Homem pelo próximo. Reduzo o problema ao par, qualquer que ele seja. Falo, assim, do amor ou da falta dele.
O que é o amor, repito? Por agora fica a pergunta, mais tarde falarei por mim pois não há perguntas sem respostas.

Aguardo os vossos comentários; será que haverá consenso?


Se cairmos...

... caímos os 2!

14 comentários:

Gotinha disse...

Oláááááááá!
Mas que perguntas complicadas andas a fazer... o que é o amor??! Sei lá.... creio que o vivo e no entanto não o sei explicar ou racionalizar!!!

Cerejinha disse...

Não tinhas nada mais complicado para perguntar?
;-)

(Vou pensar no assunto...)

Eva disse...

Vive l`amour!!! Neste mmento não consigo colocar por palavras o que ê o amor, mas mais logo depois do almoço voltarei.......

Eva disse...

voltei, vamos a ver amor.... é um sentimento que nos impele para o objecto dos nossos desejos, para a atracção e para a paixão; sentimento que predispõe a desejar o bem de alguém; é um sentimento de afecto e extrema dedicação. Resumindo amor é quando duas pessoas não podem viver uma sem a outra!!

:)

MWoman disse...

Queres que te diga o que é amor?
Eu digo!

Amor é uma gajinha fazer um cartaz todo à maneira, lindo de morrer e enviá-lo!

Mas há gajos que não percebem nada de "arte" e borram a pintura toda!

Assim tipo mãos de cenoura, cebola, tesoura, sei lá, e nem uma palavra de incentivo do género:

"Gaija, continua, vais longe! És uma verdadeira artista"!

( if you know what I mean...)

Cerejinha disse...

Não foi preciso pensar...Achei uma definição quase perfeita:
"O amor é esse voejar incerto por um céu de fragilidades errantes. Nunca se sabe onde há mais horizonte aleatório, nem onde existe força para voar no espaço vacilante. Apenas se sente a liberdade de estar preso, e não ser capaz nem querer romper as cadeias de tudo e nada."

(Luís Rosa in O amor infinito de Pedro e Inês)

carla disse...

"O amor, tal como existe na sociedade, não passa da troca de duas fantasias e do contacto de duas epidermes".
Sébastien-Roch Chamfort

A.J.Faria disse...

Olá, João!
Amor, é sentir os sentimentos mais nobres por alguém!
Um grande abraço,

gracinha, a artista do burlesco disse...

Começa por ser uma dor de cabeça e termina com um "hoje não, dói-me a cabeça"...

Para os dois.

123de4 disse...

Dizem que é isto..:)

s. m.,
viva afeição que nos impele para o objecto dos nossos desejos;

inclinação da alma e do coração;

objecto da nossa afeição;

paixão;

afecto;

inclinação exclusiva;

MJM disse...

Ao tentar explicá-lo, já me sucedeu isto:

em carne viva

experimenta
falar em carne viva
verás se tem nexo o teorema
quando a língua perde a memória

amar é um idioma que balbucio
e cada beijo erra um vocábulo
--
isto:

não sei

não quero amar
não sei
só sentimento
errando a pele
é dor bastante
e nascem estrelas nos olhos
que duram mais do que o instante
em que me perco
a pensar
que amar é bem

não quero ver
nem pensar
não sei
se é medo amar
me encolho
que se me encontro
sob o teu céu de desencontro
reclamo a luz
que o céu não tem
- e a sombra, eu sei
--
isto:

Acústica (II)

se te digo
amo-te
fica a verdade inacabada
pareço operativa de desejos
quando basta
no eco gutural
dos gemidos que me arrancas
conseguires ouvir-me
amo-te
e reverberar
no táctil cingir das ancas
--
mas, na verdade, continuo em crer q disse tudo qd não disse nada:

Ama-se

Ama-se
É tudo
Razão rasante
A mirar o amor a amar
Escrevê-lo é minguar
Lê-lo é desgastante
Ama-se
É tudo

Licia disse...

O amor é querer e não querer...
é estar feliz e infeliz..
é estar contente é estar triste...
é estar presente é estar ausente..
é rir é chorar...

Enfim, o amor é...

O que é o amor?

Bjinho

foru2answer disse...

O amor... é o que vem depois da paixão.

É o que fica!
Para sempre... querendo-se ou não!

João Mãos de Tesoura disse...

A todos: vale a pena falar do que é importante na vida. O amor está à cabeça do que realmente interessa!
Esta foi mais uma provocação para vos fazer pensar, para me fazer pensar!